• Números comprovam recuperação do mercado imobiliário

  • Por Eduardo Aroeira, Vice-Presidente da ADEMI-DF

    O interesse pela compra financiada da casa própria é grande entre os brasileiros. A diretoria da ADEMI-DF recebeu dados exclusivos das simulações de crédito da Caixa Econômica Federal (CEF) que, confirmam que houve aumento na demanda por crédito imobiliário, apesar da crise. As simulações de crédito de seus clientes só no mês de janeiro desse ano foram mais de 245 mil - cada simulação de crédito no site da CAIXA é feita por CPF único. No mesmo período do ano passado esse número era de 137 mil pessoas. Um incremento de 78%.

    O perfil dos clientes que mais utilizaram o simulador em 2017 é: pessoas com 26 a 35 anos (113.777), procurando por imóveis de até R$300 mil (70.661) e com uma faixa de renda de mais de R$4 mil mensais.

    Esses números comprovam que o mercado imobiliário está se recuperando gradativamente. Segundo a pesquisa do Índice de Velocidade de Vendas (IVV), divulgada pela ADEMI-DF, em 2016 o índice foi 5,1%, superando os 4% de 2015, um incremento de 27,5%. O setor imobiliário considera que um IVV na casa dos 5% representa uma velocidade adequada para a venda de um empreendimento imobiliário. Tudo indica um ano de 2017 mais positivo para todo o setor imobiliário.